CACOS
















Um brinde com o néctar da doçura

Ao intrépido gozo do momento,

Só assim quebro a taça da amargura

Ateando os seus pedaços ao vento!


                                   PedrO M.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FELIZ PÁSCOA!

VOTO IMPRESSO