sexta-feira, 1 de janeiro de 2021

EU SOU POETA CORDELISTA


 














Campo-maiorense,
sou Pedro Monteiro,
um piauiense
do chão brasileiro.

BEM VINDO 2021


 









Em sete versos poéticos
eu quero lhe desejar
luz de vinte uma estrelas
que não cessem de brilhar,
mantendo a esperança acesa
com alimento na mesa,
saúde e paz no seu lar.


quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

BILHETE DO IDOSO

 















Foco e fé, a cantilena
que pariu voto enganoso,
para quem usando a pena
fez um decreto maldoso.
Sem piedade a pequena
os direitos do idoso.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2020

DESEJO

 




✍
Dois mil e vinte trocado
por dois mil e vinte um
e o povaréu vacinado
sem querela ou zum zum zum!

domingo, 27 de dezembro de 2020

RESPEITO AOS ANIMAIS!


 











No ano que se avizinha 
evolua muito mais,
sem foguete, sem bombinha 
em respeito aos animais.


Jurema linda gatinha, 
como você pode ver, 
neste Natal, coitadinha 
cuidou de se proteger.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2020

domingo, 20 de dezembro de 2020

MENTIROSO

 



















✍
Não gosto de mentiroso
que tenha instinto malvado,
brucutu fantasioso,
jumento descontrolado,
mandatário belicoso
num "front" desmiolado.

terça-feira, 1 de dezembro de 2020

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

DESENHO NO CÉU

 














✍️
Se num flash imaginário
temos deleite sem fim,
quanto mais neste cenário
fotografado por mim!

quinta-feira, 19 de novembro de 2020

DIA DO CORDELISTA

 

















✍️
O cordel proficiente
tem forma metrificada,
sonoridade atraente
por ser poesia rimada,
para quem é cordelista,
considere uma conquista
a data comemorada!

✍️Em 19 de novembro de 1865 em Pombal – PB, nascia Leandro Gomes de Barros, além de um grande poeta cordelista, ele também foi o seu maior difusor.
Viva o Cordel!